Pesquisar

EUA chama o assassinato de líder haitiano de 'crime horrível'

Secretária de imprensa da Casa Branca afirmou que o governo Biden ainda está 'coletando informações' sobre a morte de Jovenel Moise

Joe Biden

Os Estados Unidos estão avaliando o "trágico ataque" que matou o presidente do Haiti durante a noite e o presidente Joe Biden será informado sobre o assassinato, disse a Casa Branca nesta quarta-feira (07).

presidente haitiano Jovenel Moise foi morto a tiros por agressores não identificados em sua residência privada durante a noite. 

"Ainda estamos coletando informações", disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, no MSNBC. "Esta é uma tragédia trágica (sic). É um crime horrível", disse Psaki em uma entrevista a CNN. 

O governo dos Estados Unidos ainda estava obtendo especificações sobre o ataque e Psaki expressou solidariedade ao povo do Haiti.

“Estamos prontos e ao lado deles para fornecer qualquer assistência que seja necessária”, disse ela. “É claro que nossa embaixada e Departamento de Estado estarão em contato próximo, mas é uma tragédia. Nós os apoiamos e é importante que o povo do Haiti saiba disso”.

A oposição no Haiti acusou os Estados Unidos - o principal doador estrangeiro do Haiti - de serem tolerantes com Moise, dado seu apoio à política externa dos EUA. Seu governo rompeu com a comunidade caribenha (Caricom) para se opor ao presidente da Venezuela, Nicolas Maduro.
CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários